Podia ficar olhando pra sempre esta foto de Anders Petersen

Anders Petersen

Anders Petersen

Olhos nos olhos.

Machuca.
Pesa no coração. Pesa na alma.
Fico em uma ânsia por lágrimas… uma única que seja.
Algumas vezes dói tanto que é impossível chorar.
E secos, meus olhos ficam estáticos, entregues à esse olhar doído, vago, insano.
Esse olhar dilacera. Talvez a beleza esteja justamente nisso.
E ele grita com tanta calma que assusta, sufoca.
Nunca um olhar me feriu dessa forma.
Uma dor pulsante, visceral.
Dói. Muito.

Chega a ser exaustivo.

Alguém poderia dizer agora que essa fotografia me fez mal.
Sim, a senti como um soco no estômago. Mas eu diria que fazia tempo que não sentia algo tão forte, tão devastador e tão lindo ao mesmo tempo.

A vida ensina para gente que a dor nos dá forças. E eu aprendi um pouco mais sobre isso diante dessa fotografia.

Podia ficar olhando pra sempre, sem piscar, essa foto de Anders Petersen. Não dá para fugir dessa dor. Não posso e não quero.

*Conheci o trabalho de Anders Petersen hoje a tarde e estou de queixo caído até agora.

A dica preciosa foi de Fábio Messias (que já passou pelo FlickrWeek inclusive).

Sobre Priscilla Buhr

Fotógrafa, Recife
Esse post foi publicado em Olhando pra sempre e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

3 respostas para Podia ficar olhando pra sempre esta foto de Anders Petersen

  1. Seeei não, viu, meninas! Isso aí tá mais entre o cínico e o sonolento…

  2. Ana Lira disse:

    Sonolência?!!! Nessa foto?!!!

  3. bellavalle disse:

    Cada um vê o que estar predisposto a ver…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s