FlickrWeek – Merkley

Merkley | Birthday #41 Self-Portrait on Friday The 13th In Green Sharkskin, White Velcro Retard Sneaks & Eighties Golden Ray Bans In The Living Room On a Thronish Type Deal With Hundreds and Hundreds of Megapickles

Eu ia começar a falar do flickr do Merkley dizendo que suas fotos me lembraram muito o trabalho do Terry Richardson, fotógrafo que eu particularmente adoro. Até que, vasculhando o blog do cara e lendo um texto em que ele explica porque NÃO é um fotógrafo (ainda vou escrever um post só sobre esse texto), me deparo com a seguinte frase: “Photographers have strong opinions about Terry Richardson”, o que me inibiu de cara, obviamente, mesmo eu não tendo uma opinião tão certa e forte sobre o Terry.

Bem, vamos lá: eu estava trocando figurinhas com minha amiga e também fotógrafa Manuela Galindo (que está morando em Buenos Aires e me mata de saudades), quando ela me apresentou o flickr do Merkley. De cara, achei as fotos muito legais. Esse estilo underground sempre me interessou e as idéias dele me parecem comunicar bastante. Gosto do jeito que ele ilumina a cena com flash embutido de câmera compacta, gosto de como ele constrói as cenas, gosto dessa saturação exagerada, gosto da maestria com que coloca efeitos e faz montagens no Photoshop, gosto dos títulos enormes que dá às fotos, gosto da linguagem do cara e, não vou mentir, adoro fotos que falam de sujeira e putaria.

Merkley faz muitos retratos, todos produzidos e posados. Ele diz que os personagens de suas fotos são sempre pessoas conhecidas: amigos, namoradas, ex-namoradas. Apesar de questionarem e falarem de situações cotidianas e de, muitas vezes, rolar uma identificação com a “vida real”, as fotos não são nada espontâneas e até têm um quê bem forte de surrealismo.

Merkley se refere à câmera como “Robot Camera Machine” e ao computador como “Robot Computer Machine” e defende que as câmeras mentem e são cruéis e que o seu trabalho é pegar essas mentiras e transformá-las em grosserias e besteiras usando o computador. Simples assim. Mas, para mim, as imagens são muito irônicas e bastante sinceras (poucas mentiras, eu diria, apesar de muita imaginação e criatividade).

Apesar de Merkley fazer o estilo “sou chato e foda”, o que me abusa um pouco, suas fotos me fazem pensar sobre elas e gostar delas. Além de repensar o meu próprio trabalho como fotógrafa e minha relação com a fotografia como expressão. Ah! O cara também é bom pintor! Dá pra conferir mais coisas no site  dele. Acho uma boa pedida e recomendo aos nossos queridos leitores acompanharem o trabalho dele. Hope u like it! 😉

Merkley | Luna – Dinner

Anúncios

Sobre bellavalle

Fotógrafa, pesquisadora, professora da UFPB, mestre pela PUC/SP, doutoranda pela UFPE e amante da vida.
Esse post foi publicado em Flickrweek e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para FlickrWeek – Merkley

  1. Chico Peixoto disse:

    irreverência pura!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s